Joias em Turmalina

Brincos de turmalinas

Uma das pedras preciosas mais complexas que existe é a turmalina. O primeiro registro de sua aparição foi na região do Sri Lanka por volta de 1700.

As turmalinas são consideradas um grupo especial de gemas que compreendem várias espécies, com isso encontra-se exemplares em cores bastante variadas. É até mesmo possível ver duas ou mais cores em um mesmo cristal dessa pedra, como é o caso da turmalina melancia, essa espécie é verde em sua parte externa e no centro é avermelhada com toques rosados.

No Brasil a pedra mais valiosa comercialmente é a turmalina Paraíba, que foi descoberta em meados de 1989 no estado que leva o mesmo nome. Essa espécie especial possui coloração azulada, classificada pelos especialistas como azul neon ou azul fluorescente, seu brilho especial vem do cobre presente em sua composição.

Na verdade o que faz com que a turmalina tenha intensas variações de cor é a quantidade de lítio em sua composição, é raríssimo encontrar uma turmalina incolor.

No antigo Egito e também na Grécia os povos antigos usavam a famosa turmalina preta como um amuleto para espantar os mais fluidos. Outra aplicação dessa pedra é a finalidade terapêutica.

Devido ao alto preço dessa gema, poucas joalherias trabalham com suas peças, pois além de rara, sua extração é difícil o que aumenta ainda mais o seu valor que pode ser maior do que o de um brilhante.

As joalherias H. Stern e Amsterdam Sauer são as poucas que trabalham com a turmalina Paraíba.

Atualmente existe no mercado turmalinas de coloração muito próxima a da turmalina Paraíba, porém estas são originarias da África. A diferença na coloração é pouca por isso é comum que seja vendida como se fosse uma original brasileira.

Uma gema de turmalina Paraíba de cor azul neon com cerca de 1 cm pode custam até US$20.000,00 por cada quilate. O valor aparentemente é exorbitante, mas gemas desse tipo podem realmente ser consideradas verdadeiros tesouros.

A joalheria Tiffany´s possui em sua coleção um pingente montado com uma turmalina Paraíba e 254 diamantes equivalentes a 3,5 quilates que custa aproximadamente U$$ 248mil. Já o anel fabricado pela mesma joalheria apenas sob encomenda custa U$$127 mil.

A Amsterdam Sauer é a mais ousada dentre elas, pois possui uma peça, o anel Paraiso, em turmalina Paraíba e diamantes com 2,59 quilates avaliado em R$1.170 milhão.

Comentários